24 de outubro de 2011

St Honoré

Nota (22/Mai/12): O estabelecimento encerrou suas atividades em 4/Mai/12.


Nota (04/Jan/12): Levei um casal de amigos no dia 10/Dez/11 para conhecerem o local e eles gostaram bastante dos doces. Mas o atendimento não foi muito bom. Tivemos que pedir a conta 3 vezes e mesmo assim ela veio errada. Não colocaram os doces que comemos, mas honestamente pedimos para cobrar o valor correto. Ao invés de agradecerem parece que ficaram de cara feia...Depois disso na hora de pagar, a moça do caixa disse que não tinha troco e pediu para pagarmos com cartão de débito. A obrigação da casa é arrumar o troco e não falar para o cliente como ele tem que pagar...Reclamei através da página deles no Facebook mas não tive nenhum retorno...Desse jeito, por mais que os doces sejam bons, não vale a pena encarar um atendimento desses...

Imagine um espaço charmoso onde se pode tomar café-da-manhã, almoçar, tomar chá da tarde e jantar. Este lugar é o St Honoré.

O desejo da restauratrice Ida Maria Frank (Les Marais Bistrot e ex-Due Cochi) foi concretizado após colocar em prática os anos de experiência na França constituindo uma equipe renomada, formada pela chef pâtissiére Amanda Lopes (ex-Brasserie e Douce France) e o chef Wagner Resende (que também cuida do cardápio do Le Marais Bistrot). St Honoré, protetor dos padeiros e confeiteros, deu nome ao local que conta com um agradável ambiente.

A disposição dos pães e doces no balcão é irresistível. Além das comidinhas, há uma pequena adega para saborear vinhos. O espaço conta com mesas e cadeiras nas áreas externa e interna.


Na primeira visita que fizemos, experimentamos apenas alguns doces pois estávamos indo almoçar no Butcher's Market (é, às vezes comemos doces antes dos salgados). Mas como vimos muitas pessoas tomando café da manhã, ficamos com vontade de experimentar e voltamos pouco tempo depois.

Fomos no feriado do dia 12/Out conhecer o café-da-manhã e levamos a Romina e o Ismael para nos acompanhar. Estava calor e havia um número considerável de pessoas naquele dia, principalmente na área externa. Nos acomodamos na parte interna por estar mais fresco. O atendimento foi gentil (em ambas as visitas) e nos deixaram à vontade em todo o tempo em que estivemos no local.

Existem 3 opções de café da manhã e optamos pelo St Honoré, que serve bebida quente (neste caso pode optar em café, chá ou chocolate quente), suco natural de laranja, salada de frutas, pão de queijo e pão Le Marais, manteiga e geléia, iogurte natural com geléia de fruta da casa, queijo branco e presunto Royale. As outras duas opções eram o Basique (muito simples) e o Bio (mais light). Um detalhe para os glutões, os itens do café da manhã são servidos em unidade e não à vontade (estilo buffet).


Começamos com o suco natural de laranja e os pães. O suco estava levemente gelado e adocicado. O pão de queijo estava quentinho, muito bom mesmo, sendo que repetiríamos facilmente. O pão Le Marais estava igualmente perfeito, crocante e nem um pouco massudo. As geléias estavam suaves, tinham duas opções que eram de morango e de figo. Esta última se sobressaiu, detalhe que não gosto muito de figo... o Carlos estava quase pedindo mais desta geléia! Os frios estavam corretos, mas nada que impressionasse.


A surpresa foi a bebida quente que eu e o Carlos pedimos. Fomos de chocolate quente e podemos dizer que foi um dos melhores que provamos até agora. Cremoso e adoçado na medida. Tomaríamos mais sem reclamar. Fora a apresentação que dispensa comentários...O Ismael pediu um capuccino mas como falamos bastante do chocolate quente acabou pedindo um também antes de irmos embora.


Depois dos pães e bebidas, foi a hora de provar o iogurte natural com a geléia. Estava muito boa, com o iogurte bem suave que combinou bem com a geléia. A salada de frutas estava excelente, com as frutas bem doces e equilibradas. 


Achamos que apesar de ter opções de ovo mexido (com cogumelos ou bacon) no cardápio, seria interessante ter alguma opção de café da manhã com ele incluso.

E para finalizar, fomos ao balcão de doces decidir qual saborear...

O Carlos foi de Imperatrice que combina mousse champagne com creme bruleé de chá de frutas vermelhas e mousse de framboesa. Estava fantástico. Lembrou bastante os doces que comíamos no Japão...pouco açúcar mas muito saboroso.


Eu escolhi o St Honoré pois fiquei com vontade na visita anterior (foi a escolha do Carlos). O doce consiste em profiteroles caramelizados recheados com creme e envoltos em chantilly. Foi um dos melhores doces que já comemos.


E falando na primera visita, o Carlos não satisfeito (ele sempre come demais...), ainda pediu uma Tarte Provence feita com mousse de chocolate branco, geléia de frutas vermelhas e framboesas frescas. Além de bonito estava muito bom.


Confesso que eu também não fiquei satisfeita com apenas um doce na primeira visita...e acabei pedindo a Tortinha de Frutas Vermelhas que se apresentou impecável. A massa crocante e o creme bem executado se completaram com as frutinhas frescas.
 

A Romina escolheu o Aux Pomme que tem amêndoas e maçãs (que foi o outro doce que comi na primeira vez). Ela achou seco e esfarelento, ao contrário de nossa opinião, que gostamos da combinação e até achamos o recheio úmido, contrastando com a massa.


Todas as escolhas valeram a pena e ficou um gostinho de quero mais...

Preços
Café da manhã (opção St Honoré): R$ 25,00
Doce St Honoré: R$ 10,00
Tarte Provence: R$ 11,00
Doce Imperatrice: R$ 13,00
Torta Aux Fruits: R$ 10,00
Torta Aux Pomme: R$ 10,00
Chocolate Quente: R$ 6,00

Endereço
R. Pais de Araújo, 185 - Itaim Bibi
11 3071-2932

Site
http://www.sthonore.com.br/

10 comentários:

Cacá disse...

Olá Denise e Carlos!
Que paraíso heim rs. Opções para todos os gostos! As sobremesas estão com uma cara ótima e chamou atenção pelo capricho como são servidos. Deu vontade de provar tudo. Como sempre, adorei as fotos.

Tabeteimasu - Denise disse...

Olá Cacá,

Este lugar é um encanto, não vemos a hora de voltar logo... rs
Certamente é um lugar imperdível a ser visitado quando estiver pela cidade!

Beijos!
Denise.

Carol disse...

12h: hora de entrar no blog do tabeteimasu. grande erro meu, tô salivando! ahahaha,
esse lugar me lembrou bastante os desayuños dos argentinos...não é a votnade, mas tem um cardapio gostoso de café da manhã lá (inclusive ovos hehehe)
e gente, o que são esses docinhos? a tortinha, morri de vontade!!
fiquei com vontade de experimentar!

Tabeteimasu - Denise disse...

Oi Carol,

Que castigo nos visitar neste horário hein, hahaha!
O café-da-manhã do St Honoré é ótimo, você irá adorar!
O dia que quiser companhia nos chame!!!

Beijos,
Denise.

Ovo disse...

"Um detalhe para os glutões..."
Adorei esse aviso! Hehehe!
Fiquei curiosíssimo de conhecer pelo post de vocês. Eu acabei de jantar, e mesmo assim fiquei salivando como a Carol às 12h!
E ainda é na região do Butcher's... que pecado!

Tabeteimasu - Denise disse...

Olá Ovo!

Achei melhor colocar esse aviso pois vai que alguém com o perfil do Carlos (esfomeado...) vai até lá achando que tudo é à vontade! rs

Eles ficam perto do Butcher´s mesmo e vale a pena comer um hambúrguer e depois comer sobremesa no St Honoré... Nós fizemos o inverso... rs!!!

Abraço,
Denise.

Fábio disse...

as suas fotos sempre ficam demais! parabéns!
já era fã da amanda desde os tempos de la brasserie, e o mil-folhas dela é realmente sensacional.

Tabeteimasu disse...

Olá Fábio,
Valeu pelos elogios! Conhecemos as criações da Amanda apenas no St. Honoré e viramos fãs. Na próxima vamos tentar o mil folhas!

Abs,
Carlos

Beatrice disse...

Ola Carlos e Denise,

Nao me canso de dizer que blog de vcs. eh sensacional, as dicas imperdiveis e pontuais, os textos precisos e as fotos fantasticas.

PSC este restaurante infelizmente fechou. Se quiser mais informacao leia o link abaixoja:

http://vejasp.abril.com.br/blogs/arnaldo-lorencato/2012/05/12/st-honore-deve-dar-lugar-a-primeira-filial-do-italy/

Tabeteimasu disse...

Olá Beatrice!

Ficamos lisonjeados com seus elogios! Obrigado!

Agradecemos pela informação! Não sabíamos que o St. Honoré havia fechado. Se bem que em nossa última visita, o atendimento foi bem ruim e o movimento estava bem fraco.

Por isso que sempre dizemos que a comida não é tudo em um estabelecimento...o atendimento conta bastante. Pode ser por causa disso que o movimento deles foi caindo e acabou resultando no fechamento. É uma pena pois os doces eram realmente muito bons!

Vamos colocar um aviso sobre o fechamento!

Abs,
Carlos e Denise

Postar um comentário